Datacom
27/09/2021
ONU Híbrida: Planejando a evolução da sua rede

Por Rodrigo Vian – Engenheiro de Suporte e Douglas Cruz – Engenheiro de Vendas

Sabemos que o crescimento na demanda de internet vem se intensificando nos últimos anos. Muitos provedores que operavam utilizando internet via rádio viram a necessidade de migrar para a operação com fibra ótica em sua rede, e desta forma poder disponibilizar aos seus clientes maior qualidade do serviço e planos com velocidades superiores.

Migrando a operação para a rede de fibra ótica, o provedor pode se perguntar em qual tecnologia investir. Surgem questões como: “Quais equipamentos devem compor minha rede óptica? Devo escolher uma rede EPON ou já começo com GPON”?

Neste artigo vamos mostrar como a aquisição das ONUs (Optical Network Units) pode ser peça chave nas respostas das perguntas acima, bem como no planejamento da evolução da sua infraestrutura.

 

EPON ou GPON?

A ideia deste artigo não é apresentar um comparativo detalhado entre as duas tecnologias, mas vale compreender as principais diferenças e quais vantagens o provedor terá ao optar por uma delas.

Tanto o EPON como o GPON fazem uso da arquitetura FTTX, Fiber to the “X”, onde o “X” varia de acordo com o local onde é entregue a ONU, podendo ser diretamente na casa do cliente, FTTH (Fiber To The Home), em um condomínio, FTTB (Fiber To The Build), ou até mesmo substituindo o cabeamento estruturado de uma empresa, o chamado FTTD (Fiber To The Desk).

Ambas as soluções garantem uma infraestrutura de qualidade no que diz respeito à velocidade e qualidade na entrega de dados. Basicamente podemos citar dois pontos principais que podem influenciar na escolha por uma delas:

  • Em termos de tecnologia existem diferenças de norma, encapsulamento dos dados, e na eficiência de transmissão de informação útil (EPON: 67% / GPON 93% de eficiência), porém a principal diferença está na velocidade de transmissão. O EPON usa a taxa de transmissão simétrica, com 1.25Gbps para o upstream e o downstream, já o GPON possui os mesmos 1.25Gbps no upstream e uma taxa maior de 2.5Gbps no sentido downstream.
  • O outro ponto a ser considerado é que, por ser uma tecnologia mais antiga, investir incialmente em OLTs EPON pode ser mais barato, principalmente se o provedor for investir em poucas portas PON.

 

E as ONUs, como afetam esta decisão?

O investimento nos equipamentos instalados na casa do cliente final representa grande parte do custo em uma rede FTTx. Isto é, o provedor precisará considerar uma ONU para cada cliente atendido e este volume muitas vezes leva à escolha de dispositivos baseada exclusivamente no preço. É justamente aqui que entra o tema do artigo, pois é importante levar em consideração outros pontos para a escolha adequada.

Se o provedor não tem certeza de como será o crescimento de sua rede, a tendência de começar optando por equipamentos de baixa densidade de portas é grande. Isso significa que o provedor pode começar a rede com EPON planejando migrar para GPON no médio/longo prazo. Pensando desta forma, escolha por ONUs híbridas pode ser uma ótima opção.

As ONUs híbridas são equipamentos que possuem a característica de operar com as duas tecnologias citadas acima, ou seja, GPON e EPON, sem necessidade de substituição do hardware. Sua principal vantagem é disponibilizar para o provedor a possibilidade de ter em um único dispositivo, dois tipos de conexão, evitando que o investimento no hardware fique obsoleto em uma eventual evolução da rede para GPON.

Além de não precisar adquirir novas ONUs, automaticamente esta prática traz uma redução operacional considerável, pois o técnico não precisaria realizar uma visita para troca. Basicamente o provedor investiria na substituição do equipamento concentrador, ou seja, a OLT.

Diante deste cenário, mesmo com o portfólio de OLTs voltado para tecnologias mais novas (GPON e futuramente XGS-PON), a DATACOM disponibiliza em seu portfólio as ONUS Híbridas da família DM986: A ONU DM986-100 é uma ONU compacta que opera tanto em modo Bridge como em modo Router. Já a ONU DM986-414 é uma ONU completa, operando em modo Router, entregando tráfego de alta velocidade tanto em suas portas LAN como no Wi-fi 802.11ac.

Confira abaixo detalhes destes modelos de ONUs no infográfico com as principais características.

 

TAGS