Datacom
Família DM2300. Switches de Acesso Ethernet.
Família DM2300
Switches de Acesso Ethernet

Os switches da família DM2300 oferecem uma solução Carrier Grade que atende as crescentes demandas dos provedores de acesso, que exigem níveis elevados de SLA (Service Level Agreement) para os serviços Ethernet oferecidos aos seus clientes. Os produtos da família DM2300 são equipamentos de mesa compactos de 1U de altura em gabinete metálico e não requerem ventilação forçada. Contam ainda com uma fonte de alimentação interna full-range AC/DC com seleção automática. Até dois dispositivos podem ser instalados lado a lado em um rack de 19″.

Características
  • 4 portas 10/100/1000Base-T (RJ45)
  • Até 4 portas 100/1000Base-X (SFP)
  • Até 8 portas E1 2.048 kbit/s (RJ45)
  • Modelos DM2302 com portas BITS, 10 MHz, 1 pps e ToD
  • Testador RFC2544/Y.1564 embarcado para testes de ativação de serviços (modo gerador e refletor)
  • Gabinete metálico compacto sem ventilação forçada (fanless)
  • Fonte de alimentação integrada AC/DC full-range

 

Wire Speed L2

A comutação de pacotes L2 é feita em hardware, com switch fabric interno de 16 Gbps suportando jumbo frames.

 

Gerenciamento

A família DM2300 oferece gerenciamento centralizado através do DmView nas plataformas Windows™ ou Solaris™, compatível com o modelo FCAPS e oferecendo suporte a redundância. Os equipamentos possuem interface de linha de comando (Command Line Interface – CLI) com auxílio automático na sintaxe de comando e parâmetros, acessível através de Telnet e Console RS-232. SNMPv1, v2c e v3 também são suportados.

A fim de facilitar o gerenciamento da configuração, é possível armazenar até 32 configurações distintas no equipamento, escolhendo qual delas será utilizada na inicialização.

 

Segurança

Para garantir a segurança da rede, os switches DM2300 permitem a criação de estrutura de gerenciamento confiável através de autenticação, autorização e contabilização de usuários via RADIUS e TACACS+. Suportam também notificação de alarmes, proteção contra ataques de Denial of Service (DoS/DDoS) e Syslog (local e remoto). Adicionalmente oferecem mecanismos de proteção contra ataques broadcast, multicast e destination lookup failure (DLF).

 

VLANs

A construção de Virtual LANs no DM2300 pode utilizar a totalidade das 4.094 VLANs definidas na norma IEEE 802.1q simultaneamente, oferecendo ainda a funcionalidade de double tagging (Q-in-Q) e permitindo a criação de Ethernet Virtual Circuits (EVC).

 

Emulação de circuitos TDM

A família DM2300 possui modelos com suporte a emulação de circuitos TDM, habilitando os provedores a ampliar suas redes enquanto preservam os equipamentos e infraestrutura já existentes de seus clientes. Oferecendo simultaneamente serviços Ethernet e E1 em uma única solução os produtos da família DM2300 podem simplificar a gerência de rede assim como a operação e manutenção dos serviços oferecidos. Uma implementação flexível de emulação de circuitos permite o transporte de serviços legados sobre redes L2 e L3, também suportando sincronização dos circuitos emulados através do mecanismo de Adaptive Clock Recovery (ACR).

 

Testador RFC2544 e Y.1564 embarcado

Os switches DM2300 dispensam o uso de qualquer outro equipamento testador externo para verificação, ativação e depuração de circuitos Ethernet. Implementando uma suíte completa de testes RFC2544 e Y.1564, os switches apresentam test reports automatizados que mapeiam as características de performance de cada circuito antes de o mesmo entrar em operação. Um modo de loopback inteligente também é oferecido, permitindo a operação dos switches em conjunto com testadores remotos. Com esta funcionalidade o provedor de rede pode dispensar a ida de técnicos a campo para avaliar as conexões de seus clientes, pois todos os testes podem ser disparados e os resultados coletados remotamente.

 

QoS

O DM2300 implementa milhares de filas que podem ser distribuídas entre portas e serviços. Os níveis de SLA podem ser determinados e diferenciados de acordo com o requisito de cada cliente através de uma implementação dedicada de QoS. Um único circuito Ethernet com diversos tipos de classes de tráfego podem ser diferenciados através de priorização por Class of Service (CoS) dentro de uma única VLAN. Múltiplos clientes, serviços e classes de serviço são simultaneamente suportados, otimizando a utilização de banda e simplificando a infraestrutura de rede.

 

Ethernet OAM

Implementando um conjunto avançado de funções OAM (Operação, Administração & Manutenção) aceleradas por um hardware dedicado, os switches da família DM2300 são capazes de detectar e reportar a degradação de performance e interrupções de tráfego em tempo real e de forma proativa, baixando significantemente os tempos de interrupção de serviço e reduzindo o OpEx (despesas com operação). As funções OAM são suportadas em diferentes hierarquias, permitindo interoperabilidade entre diferentes provedores de serviço.

Funções de OAM de verificação de continuidade assim como medições de latência e de perdas de tráfego são dedicadas em hardware garantindo previsibilidade e acurácia.

 

Proteção

Combinado com o poder das funções de OAM, os mecanismos de proteção disponíveis na família de produtos DM2300 permite resiliência e redundância ao implementar o protocolo ITU-T G.8032 ERPS, que integrado à capacidade de processamento dos dispositivos pode assegurar um tempo de restauração de serviço protegido menor do que 50 ms para os cenários típicos de operação. Outros mecanismos de proteção como Spanning Tree e Link Aggregation também são suportados.

 

Sincronismo

Para atender aplicações com requisitos rígidos de sincronismo a família DM2300 conta com os modelos DM2302 que adicionam uma referência interna de qualidade Stratum-3 além de portas de relógio e fase dedicadas no painel frontal. Além de suportar a ligação direta de equipamentos GPS como referência padronizada externa o DM2300 permite que as portas Ethernet e E1 também façam parte da hierarquia de relógio do sistema. Os padrões G.8261 (Synchronous Ethernet) com ESMC (Ethernet Synchronization Message Channel) e IEEE 1588-2008 OC (Ordinary Clock) são suportados, garantindo que os requisitos para transporte de frequência e fase em aplicações Mobile Backhaul 3G e 4G LTE sejam completamente atendidos.

Aplicações

DM2301 como equipamento de acesso e demarcação, entregando serviços Ethernet e E1 padronizados e gerenciáveis.

 

 

DM2302 como dispositivo de transporte e acesso de rede Mobile Backhaul, garantindo serviços Ethernet e E1 combinados com funcionalidades avançadas de OAM, QoS e sincronismo.

 

 

DM2302 transportando frequência com precisão entre distintas redes SDH através de uma rede legada de pacotes sem suporte a PTP ou SyncE.